Por que você PRECISA ter uma alimentação saudável?

Quando se fala em alimentação saudável, parece ser algo muito simples, basta evitar gorduras e açúcares, e comer saladas. Bom, esse passo é importante, mas não é só isso.

Primeiramente, vamos deixar claro que alimentar-se de forma saudável proporciona um equilíbrio em nosso corpo e quando ele está em equilíbrio, menor o risco de sofrer infecções e inflamações, mantendo o alto nível de defesa e proteção.

“Quando investimos em alimentos, não precisamos investir tanto em remédios, portanto, o principal fato é este: a manutenção da saúde”, afirma a nutricionista e mestre em desenvolvimento rural sustentável, Jaciara Reis.

Para a nutricionista “saúde é o completo bem-estar físico, mental e emocional, então, a partir do momento que o corpo entra em equilíbrio através de uma alimentação saudável e de outros cuidados, tais como exercícios físicos, boas horas de sono, ingestão adequada de água, passamos a ter uma vida muito mais saudável”.

Mas, sabemos que nem sempre é tão simples assim ter uma alimentação equilibrada como rotina.

O que fazer para que esse hábito se torne mais fácil?

É muito importante saber que qualquer mudança no hábito alimentar requer tempo para acontecer efetivamente. Por isso, deve ser feita com cautela, já que as pequenas mudanças viram hábitos aos poucos.

Jaciara considera dois passos iniciais: comer com moderação e em horários regulares. “Comer o suficiente para suprir as necessidades diárias do organismo e evitar excessos. Isso porque, muitas vezes a pessoa já não está mais com fome, apenas está com vontade de comer, por isso, é importante diferenciar um do outro. Lembrando que os alimentos são combustíveis para manter o bom funcionamento do organismo”, completa.

Outra dica da nutricionista é não cortar repentinamente um único tipo de comida da alimentação. “Cortar só a gordura ou o açúcar, por exemplo, faz com que a pessoa consiga permanecer com esta ação apenas por dois ou três meses, retornando aos antigos hábitos após esse período. E, na maioria das vezes, volta muito pior. Recomendo começar aos poucos e prestar atenção nas quantidades”.

Qual o momento certo de comer?

Não dá para marcar hora pra comer, não é mesmo? A fome aperta várias vezes ao dia, portanto, é importante ficar atento às três principais refeições do dia: desjejum, almoço e jantar. Estas são as chamadas grandes refeições e, como o nome já revela importância, devem ser feitas de maneira adequada.

Nos intervalos das grandes refeições, opte por lanches saudáveis. Nada de abusar de biscoitos industrializados, que geralmente são mais “rápidos e práticos”. É uma boa hora para apostar nas frutas, iogurtes, oleaginosas, lanchinhos leves como sanduíches naturais, assados, gelatina, etc.

Quais os benefícios da alimentação saudável?

Ainda não se convenceu de mudar os hábitos alimentares? Nós lhe mostraremos detalhadamente os principais motivos para você investir nessa prática. Veja quais são:

  • Mantém o bom funcionamento do organismo

Para manter todas as atividades vitais do organismo, precisamos de energia. Ou seja, até mesmo para respirar precisamos dos alimentos que irão proporcionar esse combustível.

  • Previne doenças

Como mencionamos, é melhor investir em alimentos saudáveis, do que em remédios. A alimentação rica em nutrientes pode prevenir doenças como: hipertensão, obesidade, diabetes, gastrite, alergias, etc.

Além disso, ingerir alimentos com grande quantidade de aditivos químicos, hormônios, agrotóxicos, entre outros, também pode causar uma série de riscos à saúde.

  • Melhora a qualidade de vida

Quando se diminui o consumo de alimentos industrializados e os substitui por alimentos naturais e saudáveis, aliado a um estilo de vida sadio, os benefícios ficam visíveis na melhoria da saúde.

  • Fornece mais energia ao corpo

Pessoas que mantém uma dieta saudável claramente possuem mais energia. Alimentos termogênicos são essenciais para quem leva uma vida agitada e possuem um gasto maior de energia. Pimentão, gengibre, chás, canela, óleo de coco, alimentos ricos em Ômega 3 são excelentes termogênicos naturais.

  • Aumenta a expectativa de vida

Não é segredo para ninguém, que a longevidade está ligada à prática de hábitos saudáveis. E a alimentação é parte fundamental disso. Vale também apostar naqueles alimentos que têm como função o retardo do envelhecimento. Aposte em alho, chá verde, amêndoas, peixes, tomate, azeite de oliva, vegetais de cor verde escura, frutas vermelhas, entre outros.

  • Melhora a qualidade do sono

Vamos combinar uma coisa? Nada de ingerir grandes porções de comida à noite! Procure jantar cedo e após o jantar, prefira lanchinhos bem leves. Para dormir melhor, consuma maracujá, linhaça, aveia, leite morno, couve, salmão, arroz integral, alface, semente de gergelim.

  • Auxilia no controle do peso

Para a maioria, cuidar da alimentação tem como principal objetivo o controle e diminuição do peso. Mas é importante ressaltar, que a perda de peso ocorre com a combinação de diversos fatores. Além da alimentação é preciso realizar exercícios físicos regularmente, dormir bem, evitar stress, manter em dia os exames médicos. Mas é claro que quando se aposta em refeições naturais, manter o peso saudável é muito mais fácil.

Em um breve resumo, se alimentar bem não significa comer em grandes quantidades, consiste em ingerir adequadamente legumes, frutas, cereais, leguminosas, frutos secos, carnes, lacticínios e frutos do mar.

Mas afinal, o que comer para manter a alimentação saudável?

Existem três grandes grupos de alimentos, que são: construtores, reguladores e energéticos. Devemos ingerir pelo menos uma porção de cada durante o dia. Para isso é importante saber a função de cada um deles, confira:

Construtores: Este é o grupo das proteínas. São fundamentais na fase do crescimento, pois atuam na formação da massa muscular, órgãos, músculos e tecidos, além de auxiliar no metabolismo e produção de algumas enzimas.

Quais são: leite, ovos, queijo, carne, peixe, frango, soja, lentilha, ervilha, feijão.

Reguladores: Grupo das vitaminas, fibras e minerais. São os reguladores do sistema imunológico, nervoso, endócrino e respiratório. Já as fibras, agem na regulação da função intestinal. Além disso, hidratam o corpo, fortalecem unhas e cabelos, melhorando ainda, o aspecto da pele.

Quais são: legumes, frutas, verduras.

Energéticos: São os carboidratos e lipídeos. Fornecedores de energia e fundamentais para o organismo.

Quais são: Pão, macarrão, milho, arroz, batata, açúcares, farinhas, mel, bolos.

Fique atento à mastigação!

Além de cuidar dos alimentos que irá ingerir, é muito importante reaprender a mastigar.

Ainda de acordo com a nutricionista Jaciara Reis, “parte da perfeita absorção dos nutrientes está na mastigação, pois a digestão começa na boca”. Jaciara também destacou que enquanto mastigamos, são enviadas mensagens ao cérebro, que promovem a saciedade. “Toda a produção hormonal que controla a fome e a saciedade acontece de forme equilibrada”.

O processo de mudança de hábito alimentar exige o conhecimento do seu corpo e o desejo de mudar, e de entender o motivo dessa mudança. Não é simplesmente uma questão estética, de estar acima do peso, é questão de saúde.

É por isso que a ProSaúde tem como prioridade a qualidade de vida que você busca, oferecendo uma extensa linha de produtos naturais, benéficos à saúde.

Nossa missão é: trazer qualidade de vida, prevenção e tratamento de doenças para clientes, colaboradores e parceiros, através de recursos da natureza. Oferecer produtos saudáveis, saborosos e nutritivos com dedicação e qualidade.

Você precisa conhecer nossos produtos e entender porque cada vez mais pessoas optam por uma vida saudável.

E pensando na sua comodidade, a ProSaúde está ainda mais pertinho. Com apenas um clique você pode adquirir seus produtos preferidos na nossa loja virtual. Acesse e tenha uma vida saudável!